Driblando a crise, setor de construção civil mostra potencial como novo empreendimento

Lojas de materiais de construção integram mercado pouco afetado pela crise, sendo um atrativo para novos investimentos

Empreender pode ser arriscado e desanimador em momentos de crise. Porém, há um mercado que sofre menos impacto econômico nesse período delicado, o da construção civil. Por ser um setor de base, ele não é afetado pela demanda de serviço, o que torna interessante o investimento em uma loja de materiais de construção.

Apesar da diminuição no ritmo da construção de imóveis, o setor passou por uma adaptação, concentrando mão de obra e recursos na reforma de casa e comercialização de imóveis usados. Segundo dados do Caged ( Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados no início de 2017, o saldo de empregados no setor em comparação ao mesmo período de 2016 foi de 2.111 vagas de trabalho.

Diferente de grandes redes de construção civil, estabelecimentos desse setor encontram mercado em bairros, oferecendo produtos básicos de construção e manutenção. Outra alternativa são as redes associativas, caracterizadas como grupos varejistas que utilizam a mesma logomarca e possuem melhores condições na negociação de prazos e pagamentos. Basicamente o empreendedor precisa organizar um modelo de negócio condizente com o mercado onde quer abrir o negócio, realizar pesquisa de mercado e localização e estabelecer o foco nos produtos básicos ou complementares.

Fatores como a melhoria de renda da população brasileira e o uso do fundo de garantia (FGTS) na aquisição e reforma aquecem o mercado de construção civil. Segundo dados do Sebrae, foram negociadas 475 mil residências em média por ano, desde 2014, só com a utilização do FGTS.

Mercado

Segundo pesquisa realizada pela Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção), existe uma diferença entre as lojas de material de construção, caracterizadas pelas pequenas e médias, que comercializam equipamentos e suprimentos básicos, como cimento e materiais elétricos, e as grandes, que abrangem para decoração e eletrodomésticos.

Bairros residenciais com alta densidade populacional e de fácil acesso são fundamentais para o sucesso dessa modalidade de negócios. Definindo o local, o mercado de atuação e o cliente alvo, o empreendedor estabelece parâmetros  positivos para a consolidação da sua loja de materiais de construção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *