As vantagens de dominar um segundo idioma na vida profissional

Muito além de um diferencial. Uma necessidade. Saber mais de uma língua é uma das principais competências para que um candidato qualificado e completo tenha sucesso no mercado de trabalho. Além de ajudar no crescimento profissional, ser bilíngue pode contribuir para outros fatores que influenciarão na postura e forma de agir do profissional.

As vantagens de dominar um segundo idioma na vida profissional

Ter o domínio de um segundo idioma é qualidade desejada pela maioria das empresas e vantagem competitiva para conseguir um bom emprego ou construir uma carreira, mesmo que o idioma não seja usado no trabalho. Isso porque dominar uma segunda língua é um sinal da qualificação cultural do candidato e, também, porque o acesso à informação é consideravelmente maior para quem tem menos barreiras de comunicação. Além disso, pessoas que falam mais de uma língua costumam ter o cérebro mais elástico, com melhor qualidade dedutiva e maior potencial para aprender outras coisas.

As vantagens de dominar um segundo idioma na vida profissional

Um estudo realizado pela Universidade de Edimburgo, na Escócia, concluiu que falar uma segunda língua pode aumentar a inteligência, a fluência verbal e de leitura, mesmo quando o idioma é aprendido na idade adulta.

As vantagens de dominar um segundo idioma na vida profissional

Pesquisadores liderados pelo professor Thomas Bak, do Centre for Cognitive Ageing and Cognitive Epidemiology, compararam testes de inteligência de 262 pessoas. O primeiro teste do grupo foi feito quando essas pessoas tinham 11 anos de idade. O segundo teste foi feito quando já tinham mais de 70 anos.

O estudo concluiu que o grupo apresentava habilidades cognitivas significativamente melhores do que as registradas na infância. Outra pesquisa já havia concluído que ser bilíngue pode atrasar em vários anos o desenvolvimento de demência.

Por isso, nunca é tarde para aprender uma nova língua. A UCDB é uma universidade católica que oferece cursos de idiomas através da UCDB idiomas, além dos cursos de graduação. Ela foi uma das primeiras faculdades em campo grande ms, na época como Faculdades Unidas Católicas de Mato Grosso (FUCMT), e hoje é uma das universidades em campo grande ms de mais prestígio. Conheça a UCDB idiomas!

O que esperar do setor imobiliário em 2016

Para conseguirmos ter uma análise do que nos espera em 2016, relacionado ao mercado imobiliário, fizemos um levantamento de informações. Como bem sabemos 2015 nos deixou uma amarga lembrança no setor econômico, o que resultou um aumento no valor médio dos imóveis no país. O cálculo feito pelo Fipezap o índice o ano teve uma alta de 1,32% e ficou 7,44% abaixo da expectativa para a inflação. Neste cenário, as imobiliárias tiveram que desacelerar a construção de novos empreendimentos e resolveram impulsionar as vendas do estoque.

O que esperar do setor imobiliário em 2016
No nosso estado, a realidade não foi diferente.  Existe uma demanda de imóveis em Campo Grande,  a qual é possível identificar a busca na área imobiliária em Campo Grande. Porém, devido a alta do juros e das taxas dos empréstimos a procura para venda de imóveis tem sofrido o reflexo do situação mercadológica do país, resultando em uma baixa expectativa de melhora no primeiro semestre de 2016. Em contra partida um comportamento que necessita  ser avaliado e a busca por imóveis para aluguel. Esta é a opção mais viável neste momento, tendo em vista que para conquistar o sonho da casa própria é necessário reservar de 25% a 30% da renda para conseguir realizar esse desejo, o aluguel vem se tornando mais prático e momentaneamente mais viável pelo fato de ser menos burocrático, e pela possibilidade de escolha do imóvel de acordo com o poder  econômico do locatário, sem mencionar a flexibilidade de valores em relevância da localização do imóvel.
Então, é melhor alugar do que comprar? Calma, para cada caso existe uma sentença.

O que esperar do setor imobiliário em 2016
Conforme a opinião do professor titular de real estate da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), o senhor João da Rocha Lima diz: “2016 é o ano de comprar e, a não ser que o país entre em uma depressão econômica brutal, em 2017 os preços tendem a ser maiores, pensando em um grau de recuperação qualquer”.  Sendo assim, concluímos que se existe um capital livre, que possa ser investido em um novo imóvel, agora é uma ótima oportunidade para aproveitar os descontos para adesão do mesmo. Caso você não tenha um valor livre e disponível  para dar de entrada no imóvel novo, tente se equilibrar no aluguel e ficar atendo ao cenário econômico e torcer para essa chuva passar.

Como lucrar com imóveis durante a crise

Desvalorização do real, taxas altas de juros, instabilidade financeira, assim segue o Brasil na insegurança de sua economia. Ruim para alguns e bom para outros.

A crise assola vários setores de produção no Brasil, o ano de 2015 lucrou quem conseguiu manter as portas abertas mesmo com as vendas baixas. Estima-se que o comércio não deverá contratar trabalhadores temporários devido à queda na venda e no fluxo de pessoas nas lojas. A inflação elevada contribuiu para esse resultado, além da instabilidade política e econômica do pais, 2015 teve um crescimento econômico fora do que foi planejado e estimado, além disso sofreu com escândalos políticos ligados diretamente a economia.  O que fez o dólar saltar na bolsa de valores, e diminuiu o poder de compra da maioria da população pois grande parte dos produtos estão ligados a variação do dólar.  Mas nem tudo está ruim, o setor imobiliário vive a tempestade perfeita, e hoje é possível lucrar muito com ela, basta estar ligado as variações do mercado.

Como lucrar com imóveis durante a crise

Para quem pensa em investir no mercado imobiliário e possuí um valor significativo para entrada ou o valor total para a compra de imóveis Campo Grande, por exemplo, fará um bom negócio.

A capital considerada recentemente uma das melhores cidades para se viver também possuí um mercado imobiliário atrativo, conforme estudo da consultoria Prospecta Inteligência Imobiliária.

A preocupação com a instabilidade financeira que ronda o mercado, e a necessidade de “sobreviver” à crise, fez a venda de imóveis diminuir, o que baixou o preço da moradia, tornando o negócio atrativo para quem deseja investir.

Como lucrar com imóveis durante a crise

Imóveis para aluguel, terrenos, casas ou apartamentos, corretores garantem que qualquer aquisição deve ser avaliada com cautela, levando em consideração não só o valor da propriedade, mas o principal objetivo da compra e sobretudo as qualificações do mesmo.

Pensando em investir? Procure uma imobiliária em Campo Grande MS e aproveite as oportunidades que a região Centro-Oeste oferece, como segurança financeira e fonte de renda a curto e médio prazo.

Passos para facilitar a vida de tradutor freelancer

Complementar a renda com um trabalho extra é sempre bom, e ser tradutor freelancer pode  ser uma ótima solução, além de ajudar a tirar a poeira daquele idioma e agitar a massa cinzenta, é possível contribuir para um saldo positivo no fim do mês (bacana, não é?). Confira as principais dicas para trabalhar neste nicho.

Tradutor freelancer: trabalho em qualquer lugar
Primeiro passo:  O domínio a língua materna é imprescindível para o tradutor freelancer. Tento em vista que para atuar no mercado de tradução audiovisual ainda não é exigido formação, mas algumas agências preferem dar oportunidade aos profissionais com formação em Letras ou em Tradução para integrar nas suas equipes.

Segundo passo: Para estar apto para exercer o trabalho de tradutor é necessário muito mais que gostar de um segundo idioma, também não vale usar como qualificação o período que morou fora para se denominar como tradutor. É necessário quatro habilidades fundamentais, como: ler, escrever, falar e entender. Para depois atribuir-se da quinta habilidade, a qual capacita um tradutor adaptar fielmente um idioma em outro, conhecida como localização.

Tradutor freelancer: variar a carteira de clientes
Woman at work.


Terceiro passo: Para reduzir as possibilidades de erros é aconselhado dedicar-se apenas as traduções (passar um conteúdo de um idioma estrangeiro para o nativo) e deixar as versões (do idioma nativo para o estrangeiro) para tradutores de outros idiomas. Formar parceria com tradutores de outras nacionalidades, assim será mais garantido a certeza de um bom trabalho.

Tradutor freelancer: internet e escritório móvel
handsome hipster modern man designer working home using laptop at home


Quarto passo: Além dos fundamentos acima, uma questão muito séria é a responsabilidade com a entrega dentro dos prazos, não adianta abarrotar a mesa com traduções urgentes e não conseguir entregar no prazo. Caso isso aconteça, você pode fornecer um dos seus trabalhos para um parceiro e combinar um valor pelos serviços de intermediário. Lembrando uma mão lava a outra e com sorte, o seu colega retornar o favor.

Ficou interessado em ser tradutor Freelancer? Encaminhe seu contato, dúvida ou sugestão para Dispositiva Produções.

Pequenas ações de sustentabilidade que trazem benefícios para a sua empresa

Um dos assuntos mais comentados nos últimos tempos é a sustentabilidade. Empresas e organizações de todos os tipos estão cada vez mais aderindo a essa ideia, preocupadas em atingir e demonstrar um desempenho ambiental correto, sem agredir o meio ambiente. A sua empresa também pode fazer parte desse processo!

Pequenas ações de sustentabilidade que trazem benefícios para a sua empresa

A sustentabilidade pode reduzir custos e tornar a sua empresa mais competitiva. Além disso, a empresa se torna bem vista pelo público, pois os consumidores estão valorizando cada dia mais as empresas sustentáveis.

Para tornar a sua empresa sustentável, você não precisa de muito. Você pode começar aos poucos, através de pequenas ações. Aqui, vamos te dar algumas dicas e ideias fáceis para você implantar na sua empresa.

A primeira atitude a ser tomada é conversar com os seus funcionários, a ideia é formar um bate papo, abrindo espaço para os colaboradores darem sugestões sobre o tema e você expressar as suas. Esse procedimento é importante para a nova cultura não ser um “choque” para todos. Comprometa-se também a enviar um e-mail para todos assim que uma nova ação for desenvolvida.

Uma outra ideia é adotar uma boa comunicação visual no ambiente de trabalho, pois chama a atenção das pessoas para o tema sendo divulgado. Você pode, por exemplo, colar cartazes no banheiro, junto dos bebedouros e no mural com dicas sobre ações sustentáveis. Você também pode colocar lixeiras coloridas para facilitar a coleta seletiva. Além disso, incentive os funcionários a levar uma garrafa para tomar água no trabalho, assim evita-se o uso de vários copos descartáveis durante o dia.

Pequenas ações de sustentabilidade que trazem benefícios para a sua empresa

E aí, o que achou das ideias?

Um exemplo de empresa com uma proposta sustentável é a Uber47, uma joalheria contemporânea especializada em joias em prata, com um design super moderno e sofisticado. As entregas dos produtos são realizadas com ecobikes, se a distância permitir. Bacana, não é mesmo?

Veja a seleção de pratas femininas e pratas masculinas que separamos para você e apaixone-se!

Hábitos que podem te ajudar na hora de melhorar a conversação em inglês

Falar uma segunda língua vem se tornando um pré-requisito para as principais vagas no mercado de trabalho, mas não basta saber. Conseguir falar uma língua estrangeira continua sendo um desafio para estudantes e profissionais.

Hábitos que podem te ajudar na hora de melhorar a conversação em inglês

Quando se procura uma fórmula para melhorar a conversação em inglês, nos deparamos com várias dicas, e a principal continua sendo o intercâmbio aliado de aulas de inglês. Ficar um tempo em um país desconhecido e enfrentar os problemas do dia a dia para se comunicar criam situações necessárias para o aprendizado, mas, com a alta do dólar, a opção ficou mais difícil. Por isso reunimos algumas dicas que, aliado com um curso de inglês intensivo, podem ajudar no processo de aprendizagem, e claro, sem gastar muito. Veja a lista:

Filmes e seriados

Com a quantidades de filmes a disposição no Netflix, canais por assinatura e na própria internet, desabilitar a legenda e colocar o áudio em inglês é uma boa alternativa. Pode parecer difícil, mas o que precisamos é entender o contexto.

Dê preferência para filmes e seriados que você já assistiu e aproveite para fazer o famoso ‘ditado’.

Música

Fez uma assinatura no Spotify? Comprou aquele CD da sua banda internacional preferida? Então aproveite para escutar e cantar em voz alta! Tente escuta-las usando a opção do repeat, para assimilar mais fácil a letra.

Uma visita aos Karaokês da cidade também é bem-vindo. O importante é não ter vergonha e soltar a voz, finja que são aulas particulares de inglês com o seu cantor preferido.

Livros e jornais

Hoje não é difícil encontrar livros importados em livrarias, algumas possuem seções só para o tipo. Para começar, procure por livros bestsellers ou um livro que já tenha lido a versão traduzida.

Já os jornais estrangeiros são um pouquinho mais difícil de encontrar, mas a internet está aí pra isso. Ler notícias pode ser uma alternativa de acompanhar o que está acontecendo mundo e aprender. Aproveite as matérias para traduzi-las, assim já vai treinando mais uma habilidade.

Hábitos que podem te ajudar na hora de melhorar a conversação em inglês

Converse

Faça amizades com gringos. Aproveite as redes sociais para conhecer pessoas de fora. Comunidades e fóruns podem ajudar nesse processo. Se mais amigos ou até companheiros de trabalho estão com o mesmo objetivo, monte uma sala de conversa na empresa e quem sabe a ideia cresça e vocês contratem um professor e vire um grupo de inglês in-company.

3 certificados de proficiência em inglês para investir

Quem pretende usar a língua inglesa para desenvolvimento profissional deve investir em certificados que comprovam a fluência, como o exame de proficiência em inglês Cambridge English, deve ser levado em consideração na hora que o estudante não nativo da língua inglesa quer ingressar em uma universidade ou pretende se cadastrar em uma vaga de emprego. A intenção desses testes é provar o domínio da língua inglesa por uma pessoa não nativa, assim eles entendem que a pessoa é totalmente competente para ingressar em qualquer área profissional do pais sem apresentar dificuldades de comunicação. Entre todos os testes se destacam três, com valor mais fortes, conheça mais sobre cada um deles:

3 certificados de proficiência em inglês para investir

Test of English as a Foreign Language (Toefl)

O Toefl é um dos testes mais comum entre os brasileiros, ele é desenvolvido desde 1964 pela instituição sem fins lucrativos ETs, nos Estados Unidos. Esse exame é aceito por várias instituições de ensino durante o processo seletivo. Hoje estima-se que mais de 110 países usam o Toefl em suas instituições para a emissão de visto.

O candidato que pretende fazer essa prova deve estar preparado para a prova que dura em média 4 horas e são compostas por compreensão de texto, oral e auditiva. Além do exame escrito. Essas ações são feitas pelo computador em instituições credenciadas e as datas variam todos os anos, o interessado deve buscar uma instituição credenciada e pagar a taxa para realizar a prova.

International English Language Testing System (Ielts)

No teste o Ielts é levado em consideração o domínio linguístico do contexto real da língua inglesa.  Esse exame foi desenvolvido pela Certificate of Proficiency in English British Council em com a Universidade de Cambridge e o Ielts Australia.  Semelhante ao Toefl a prova desse exame se divide em quatro partes: fluência e interpretação oral, textual, redação e conversação. Seu diferencial é que o teste Ielts não reprova ninguém ele apenas dá a nota de 0 a 9 e cada instituição de ensino tem uma nota mínima exigida.

Certificate of Proficiency in English (CEP)

O exame de Cambridge CEP é semelhante aos outros testes que se dividem em quatro parte para serem avaliados: escrita, auditiva, conversação e leitura. Desenvolvido pela Universidade de Cambridge a prova exige no mínimo 60% de acerto para gerar o certificado. Ele também é usado por empresas com vagas abertas que necessitam de um profissional com fluência na língua inglesa.

Como reduzir custos na empresa: Financiamento de veículos

Inflação, cancelamento de benefícios como IPI na compra de produtos industrializados tem reforçado a constante necessidade das empresas em reduzir custos sem perder a competitividade. As empresas estão aprendendo que, durante as crises, a criatividade e a inovação precisam caminhar lado a lado para promover a economia e manter a lucratividade.

São realizadas parcerias comerciais, redução na jornada de trabalho dos funcionários, compra coletiva de matérias-primas. Tudo para aprender como reduzir custos na empresa. Mas como reduzir os custos com juros e taxas na aquisição de veículos para a frota da empresa?

como reduzir custos na empresa: compra de veículos

Para começar, é possível encontrar um financiamento com as melhores condições de juros em empresas especializadas em localizar as melhores oportunidades de crédito. O Portal Mais Créditos é uma ferramenta que possui um simulador de financiamento online para financiamentos, empréstimo fácil para empresas e pessoas físicas. Nele, é possível encontrar as instituições financeiras mais próximas que oferecem as melhores condições de contrato.

O leasing também é uma opção interessante para empresas optantes pelo Lucro Real e que necessitam renovar a frota constantemente e tem vantagens contáveis e fiscais, pois não entra como ativo na empresa.

Importante também é adquirir um modelo que esteja de acordo com as necessidades reais da empresa e que alie custo ao benefício. No Manual do Homem Moderno há essa lista com os melhores carros novos e usados para comprar, confira!

como reduzir custos na empresa: comprar carro seminovo

Toyotta Corolla:

  • Completo e robusto;
  • Manutenção simples e de baixo custo;
  • Referência no mercado com baixíssima frequência de quebra.

Fiat Palio:

  • Preço acessível das peças e dos serviços;
  • Grande evolução técnica;
  • Totalmente adaptado às condições climáticas e de estradas do país.

Fiat Strada:

  • Baixa frequência de problemas com manutenção;
  • Adaptado às condições climáticas e de estrada do país.

Ford Ka:

  • Facilidade de manutenção;
  • Preço de peças acessível;
  • Baixo valor de aquisição;
  • Baixa frequência de quebra.

Honda Fit e Honda Civic:

  • Baixa ocorrência de falhas;
  • Baixo custo de manutenção.

Gol:

  • Baixo custo de aquisição;
  • Baixo custo de peças;
  • Adaptado às condições climáticas e de estrada do país.

Renault Sandero:

  • Baixo custo de peças;
  • Facilidade de manutenção;
  • Baixa ocorrência de falhas.

Celta:

  • Baixo custo de aquisição;
  • Baixa frequência de manutenção;
  • Baixo custo de peças;
  • Adaptado às condições climáticas e de estrada do país.

Fiat Uno:

  • Baixo custo de aquisição;
  • Baixa frequência de manutenção;
  • Preço acessível das peças e dos serviços;
  • Totalmente adaptado às condições climáticas e de estradas do país.

Carros financiados e simulação financiamento você encontra no Portal Mais Créditos.

Goiás: estado com oportunidades de negócios

É só acessar um jornal de Goiás para perceber o impacto do estado na economia brasileira. Desde 2003, o estado de Goiás apresenta um crescimento econômico notável. Referência no agronegócio, o estado é dono de um Produto Interno Bruto acima da média brasileira, a média anual é de 4,8% contra 3,6%.

Basta acompanhar as notícias de Goiás para perceber a diversidade econômica e o potencial no Centro-Oeste: na nona posição da economia brasileira, o povo goiano prova que simpatia e diversão são traços culturais compatíveis com produtividade e alto desempenho.

Nas últimas notícias de Goiânia é possível perceber o mercado aquecido no estado, apesar dos sinais da crise econômica no Brasil. O estado diversificou o PIB e, após anos de incentivos contínuos tanto públicos quanto privados, Goiás se beneficia com uma economia forte em constante ascensão tanto em relação ao Centro-Oeste quanto no Brasil.

Está aí um estado com oportunidades de negócios.

Oportunidades de negócios no Brasil - Goiás

Ranking nacional no agronegócio

  • 1º sorgo
  • 3º soja
  • 3º feijão
  • 3º milho
  • 3º algodão
  • 3º cana-de-açúcar
  • 3º rebanho bovino
  • 4º produção leiteira

Ramos da indústria

  • Agroindustrial
  • Alimentício
  • Farmacêutico
  • Sucroalcooleira
  • Automotiva
  • Têxtil

Extrativismo mineral

  • Calcário
  • Amianto
  • Fosfato
  • Níquel
  • Ardósia
  • Cobre
  • Rutilo
  • Argila
  • Manganês
  • Estanho
  • Talco
  • Dolomita
  • Cromita
  • Ouro
  • Esmeralda

Principais polos turísticos

  • Caldas Novas
  • Pirenópolis
  • Chapada dos Veadeiros
  • Goiás Velho
  • Parque Nacional das Emas

Para mais informações sobre as tendências de Goiás, acompanhe as notícias do Brasil e do mundo no site É Mais Goiás.

Networking internacional também é para você

O profissional que diz “tenho uma bagagem de experiência e formação além do que meu currículo é impecável, mas não consigo encontrar uma boa oportunidade de trabalho. O que será que está faltando?” A resposta é bem simples: networking!

Mesmo que sua rede de network não seja a mesma que a sua área profissional, estabeleça um bom relacionamento, até porque nunca se sabe o dia de amanhã  e essa corrente profissional do bem, só ajuda.

Mas e quando se viaja para o exterior? Como estabelecer um networking em um lugar que a língua não é a mesma? Para começar, tenha domínio da língua inglesa, pois ela será uma valiosa ferramenta para o caminho das agências, das visitas técnicas em faculdades e eventos. Fora isso, aplicativos como Meet Up, surgem para conectar pessoas com interesses em comum, seja um workshop ou um encontro em um bar para discutir as tendências do setor em cada país.

Estabelecida a primeira camada da rede de contatos, é preciso nutri-la e oferecer vantagens e se mostrar disposto a ajudá-los a resolver problemas. Essa empatia será fundamental quando você precisar de algo em troca, mas lembre-se sempre ofereça algo antes de pedir.

Para uns é melhor ir em faculdades quando o propósito é na área de lecionar, outros em agências e instituições do setor se o foco é abrir um empreendimento, procurar emprego, etc. Ter uma rede de contatos de sucesso pode mudar o rumo da sua carreira, então se atente aos detalhes:

1 – Sempre seja uma pessoa amigável e profissional, afinal, quanto mais amigável você for mais prolongado será o seu contato profissional com aquela pessoa.

2 – Procure ser reconhecido pelo seu trabalho, no ambiente profissional. Ter pessoas para indicá-lo, recomendá-lo nas redes sociais é outro fato importante. Atenção no perfil do Linkedin!

3 – Usar o Linkedin como ferramenta profissional: participe dos fóruns de discussão, interaja com os participantes e troque ideias. Tenha versões do perfil em outros idiomas Seja visto e seja lembrado.

4 – Se ainda não fala outro idioma, entre o mais rápido possível em um curso de inglês que promova intercâmbios, que seja voltado para o desenvolvimento profissional, pois geralmente a escola promove eventos profissionais e tem parceiros fora do país.

E, de novo, quando se trata de uma viagem a negócios para fora do Brasil, é importante ter pelo menos uma boa comunicação e isso é valido para o inglês. Em qualquer lugar do mundo a língua que todos conseguem falar, pelo menos o básico é essa. Por isso fazer aulas de inglês é essencial para deslanchar na carreira internacional.